Como escolher palavras-chave para seu blog ou site

Para atrair leitores para seu conteúdo, antes de tudo você deve produzir textos e materiais com base no que sua persona está pesquisando na internet, caso contrário, terá um pequeno número de pessoas lendo seu conteúdo e o resultado pode não ser o desejado. Você pode melhorar o conteúdo de seu blog ou páginas do seu website escolhendo as palavras-chave certas. Confira nossas dicas.

Pesquisa de Palavras-chave

Os visitantes estão pesquisando na internet sobre assuntos que querem aprender mais. Eles digitam palavras do seu interesse nos buscadores, para encontrar um produto, serviço ou tirar uma dúvida.

É essencial que você faça uma pesquisa de palavras-chave relacionadas ao seu negócio ou setor, para que seja encontrado por quem estiver buscando por elas.

Sua pesquisa deve começar pensando em sua buyer persona. São elas que se tornarão seus visitantes e, trazendo-as para o seu site, convertê-las em contatos para posteriormente torná-las em clientes ou divulgadores do seu negócio.

Determine quem você quer como visitante. Quais são as suas metas e problemas enfrentados? Procure entender o que procuram. Uma boa dica é se colocar no lugar da sua persona e levantar uma lista de palavras-chave que ela poderia estar pesquisando na internet.

Após ter essa lista, encaixe em uma das etapas da jornada de compra.

Use palavras-chave para cada fases da Jornada do Comprador

Palavras-chave falando do seu setor, se encaixam na fase de conhecimento. Já as focadas em soluções serão para a etapa de Consideração.

Quando o visitante ou lead está pesquisando um produto, ele já se encaixa na fase de decisão, ou seja, está pesquisando qual o produto ou serviço que vai melhor lhe atender.

Faça um brainstorm. Lance várias palavras-chave em um papel, sempre imaginando ser a sua persona em cada etapa da jornada.

Dê preferência por palavras-chave de “Cauda Longa”

Palavras-chave curtas, como ‘sapato’ são muito amplas. Se você digitar no Google ‘sapato’ ou ‘tênis’, veja o grande número de sites que aparecem. Isso não é bom pra você!

As grandes empresas do mercado compram essas palavras-chave em um leilão e pagam um valor alto por elas.

Se você quer entrar na disputa por essas palavras, vai ter que desembolsar mais!

Agora, se você trabalhar com palavras-chave mais longas (conhecidas como cauda longa) e ter um diferencial em seu produto ou serviço, poderá ganhar muito com isso: pagar menos e ser encontrado mais facilmente na busca orgânica.

Um exemplo de palavra-chave de cauda longa seria:

“sapato preto casual número 42 marca X”

Se alguém pesquisar por esse termo no Google, é um sinal de que ele quer essas características do sapato que deseja comprar. Mesmo que você pague por essa palavra-chave no Google Adwords, você terá mais chance de vender e não perder esse clique que veio ao seu site.

Se alguém pesquisar apenas “sapato” e ir pra seu site, talvez não encontre o sapato desejado, pois tipos de sapatos existem aos montes.

Exemplo: 

Um visitante pesquisou por “sapato” e chegou ao seu site. Só que ele queria um “sapato azul” o qual você não vende. O visitante sairá do seu site sem comprar. E o clique dele foi descontado do seu crédito no Google Adwords.

Um visitante digitou “sapato preto casual número 42 marca X”, achou você e visitou exatamente a página deste sapato. A chance dele comprar é muito maior. Não acha?

Algumas ferramentas na web podem te auxiliar na busca de palavras:

Aposte em palavras-chave de cauda longa. E se tiver um produto ou serviço com um grande diferencial, melhor ainda. Sua concorrência pela palavra-chave desse produto ou serviço diferenciado será menor e gastará menos.

Para os textos do seu blog e páginas do seu website, defina uma palavra-chave de cauda longa pra cada post ou página e foque o conteúdo em cima dessa palavra.

Lembre-se, antes de escrever ou colocar na web seu conteúdo, use as ferramentas que indiquei para verificar se estão realmente pesquisando sobre aquilo que deseja falar. Aliás, como você chegou nesse post?

Aguarde nossos próximos posts!

Está Gostando? Deixe seu comentário e compartilhe!

Ha! Que tal receber mais dicas como essa? Assine nossa Newsletter!

Newsletter